Número do Documento: 201004315125 – Proger Comarca da Capital

jul

11

2011

Boa tarde:

Gostaria por favor se pudesse dar uma orientação, tinha um imovél no Rio de Janeiro, que teve pessoas que falsificaram minha assinatura e o venderam. Tive que arrumar um advogado, pois sou do interior de São Paulo, e ele deu entrada em todas as papeladas, como não tinha condição financeira, resolvi pegar um advogado do Rio de Janeiro. E disse que depois que eu reavesse o apartamento eu venderia e o pagaria tanto um quanto o outro advogado. Mas eu nunca tive condição de pagar um advogado pois não trabalho e minha renda é de 347,15 ao mês. Mas foi me dito que eu não teria direito a defensoria pública por eu ter um imovel. Este processo já vai para 11 anos, já foi feita a pericia da minha assinatura e foi comprovado que não fui eu. Mas este processo ainda continua, e agora vejo que esta parado no Proger a 7 meses acredito que o advogado não esta a fazer nada. Sou uma pessoa humilde e ignorante no assunto e quando ao advogado ele sempre me da a volta. Não sei mais oque fazer, pois já são anos que vivo a casa de uma irma e ja fiz voluntariado para poder ter um local para morar. Por favor poderiam me ajudar em alguma coisa.

ATT: Bernadete Costa

em: Direito Civil Geral Perguntado por: [7 Grey Star Level]
Resposta #1

Bernadete,
Infelizmente a Justiça gratuita não alcançam aqueles que possuem imóveis e/ou estejam demandando a propriedade do mesmo.
Existem ainda muitos operadores do Direito não gabaritados, para lhe representarem em juízo. De fato, são poucos profissionais que aceitariam acompanhar processos com fulcro de ganhos somente no resultado, e os que aceitassem, ainda teriam um limite de aguardo da jurisdição, que é morosa.
Recomendo: Procure recolher informações quanto a(s) pessoa(s) o(s) qual(is) fizera(m) parte da falsificação de assinatura, pois uma vez que já houve deferimento quanto a esse fato, poderá levar cópia dessa sentença ao Ministério Público e/ou Delegacia mais próxima – os quais deverão investigar tais informações, oferecer denúncia e responderem por tipificação penal.
Talvez, tais criminosos ao sentirem-se próximos a eventual restrição do direito de liberdade possam flexibilizar o processo de Direito Civil.

Essa é apenas uma opinião profissional, o qual tento lhe encaminhar com pouco conhecimento aos autos. O correto seria: – No momento que há dúvida quanto ao profissionalismos de Vso. patrono, rescindir o contrato de representação, e buscar uma nova contratação.

Answers Respondido por: Dr. Torres [Advogado Red Star Level] [926 Orange Star Level]
Resposta #
Se mesmo com os esclarecimentos acima sobre Número do Documento: 201004315125 – Proger Comarca da Capital, ainda continua em dúvida, favor utilizar o campo de resposta abaixo para questionar melhores explicações, assim terá 90% maior chance de resposta.
Se procura um advogado específico para o caso concreto, recomendo acessar consultoria de escritorios de advocacia.

Responda essa Pergunta

Top Advogados do Mês

  • Thiago Policaro (385)
  • LeonardoCoutinho (79)
  • Drovetto (59)

Pontuação

Ganhe pontos ao fazer e responder perguntas!

Grey Sta Levelr [1 - 25 Grey Star Level]
Green Star Level [26 - 50 Green Star Level]
Blue Star Level [51 - 500 Blue Star Level]
Orange Star Level [501 - 5000 Orange Star Level]
[Premium]
Red Star Level [Advogado Red Star Level]
Black Star Level [Mestre Direito Black Star Level]
M